Keblinger

Keblinger

Viver pra sempre tão boba e perdida teria sido fatal

| sexta-feira, 29 de julho de 2011

Te amo mesmo, talvez pra sempre. Mas nem por isso eu deixo de ser feliz ou viver minha vida. Foda-se esse amor. E foda-se você.


Parei, talvez, de odiar o amor. Mas o amor, na verdade, ficou lá. Duro que nem pedra. Daqueles que não vão embora nem com reza brava. Amor adolescente, pensei. Com certeza, se eu virar mulher, esse amor bobinho passa. Amor de menina boba. Tratei, então, de virar mulher. Quem sabe mudando de casa, esse amor não se mudava de mim? Nada feito. Casa nova, cama nova, novas contas pra pagar. E o mesmo coração idiota. O mesmo amor de sempre. Coisa chata, não?



Talvez meu amor tenha aprendido a ser menos amor só para nunca deixar de ser amor


Aprendi a amar menos, o que foi uma pena, e aprendi a ser mais cínica com a vida, o que também foi uma pena, mas necessário. Viver pra sempre tão boba e perdida teria sido fatal.

Fotos de estudio! Ensaios feitos durante exercício fotográfico do curso que estou participando com Alex Ramirez. A modelo é a Chris,a maquiadora Andressa, inspiração é Steven Meisel, Dolce & Gabbana...Noite de chuva...depois de um dia mutcho louco, Navegantes, Porto Alegre, Janis Joplin...com a Tati....

4 comentários:

{ Sexo c/ Amor? } at: 30 de julho de 2011 05:02 disse...

A modelo é linda! Uma boneca de luxo!

O Amor é um lindo e um luxo só! O Amor que é teu, meu ou de quem quiser.
A pessoa amada é somente um personagem, da nossa história de amor.
beijo

{ Luciana } at: 1 de agosto de 2011 06:23 disse...

Heliceeeeeeeeeeeee... ficaram lindas as tuas fotos!!! E a Chris, nossa!!! matou a pau mesmo... Parabens p ambas!!! Adoro vcs!!!

{ Os Olhos de Alice } at: 1 de agosto de 2011 06:26 disse...

Lu....que medo!!!hahaa

Anônimo at: 17 de março de 2012 06:45 disse...

mulher da foto eu quero ser mulher
tambem

 

Copyright © 2010 Os Olhos de Alice